Judo Adaptado

JUDO ADAPTADO

Muito orgulha a Federação Portuguesa de Judo podermos dizer que todos, sem excepção, podem praticar Judo e sentirem-se bem na nossa modalidade. Somos defensores dos nossos valores e princípios e, nestes, incluímos a firme solidariedade para todos os portadores de qualquer deficiência.

Queremos todos estes amigos connosco pelo simples prazer, mas também pela competição que entendam praticar.

Neste contexto, o nosso orgulho aumenta quando obtemos tão bons resultados no Judo Paralímpico, Surdolímpico e Adaptado. O caso de maior evidência é o do atleta Miguel Vieira, cego total, que vai participar nos Jogos Paralímpicos Rio 2016, pela primeira vez um judoca irá estar presente nesta grande prova.

De igual forma nos orgulha o Judo Social, onde também registamos atletas de tanto valor.

SEJAM TODOS MUITO BEM-VINDOS AO JUDO PORTUGUÊS.

José Manuel Álvares da Costa e Oliveira
Presidente da Federação Portuguesa de Judo

NOTÍCIAS RELACIONADAS